Payday loanspayday loans
chapeu_saude
Selecione um item abaixo para ver os textos.

Saúde - Saúde materno-infantil

Violência sexual é o segundo tipo de abuso mais sofrido por crianças e adolescentes

Abuso Sexual é o segundo tipo de violência mais sofrido por crianças de zero a nove anos de idade, apontam dados inéditos do monitoramento do sistema de Vigilância de Violências e Acidentes (VIVA) do Ministério da Saúde.

Em 2011, o VIVA recebeu um total de 14.625 notificações de casos de abusos contra crianças menores de dez anos – incluindo violência doméstica, sexual, física e outras agressões. Nessa faixa etária, a violência sexual representou 35% dos casos registrados, atrás apenas da negligência e o abandono, que corresponderam a 36% das notificações.

Entre crianças e adolescentes de dez a 14 anos, a violência sexual também ocupa o segundo lugar, sendo responsável por 10,5% dos casos. Em primeiro lugar está a agressão física, com 13,3%.

Já entre os adolescentes com idades de 15 a 19 anos, a violência de natureza sexual ficou em terceiro lugar – com 5,2% dos casos – atrás da violência física – com 28,3% – e da psicológica – com 7,6%.

Somente no ano de 2011 a notificação de casos de violência se tornou obrigatória para todos os estabelecimentos de saúde. Os dados do VIVA, implantado em 2006, são coletados por meio da Ficha de Notificação/Investigação individual de violência doméstica, sexual e/ou outras violências e é registrada no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN).

Com informações da Assessoria de Imprensa do Ministério da Saúde

b_conheca

Fundo Municipal


itau_social


abrinq

capa_telefonica

Trabalho infantil: caminhos para
reconhecer, agir e proteger
crianças e adolescentes

Elaborado pela Prattein e publicado pela Fundação Telefónica
Elaborado pela Prattein e publicado
pela Fundação Telefónica
PESQUISA NO SITE
Digite o nome ou palavra chave no campo abaixo para pesquisar. O termo pesquisado deve ter no mínimo 3 caracteres.
b_emp5